O Retrato

By:Jully Anne M.Fenner


Anos se passaram ,muitas coisas aconteceram , enquanto você foi embora tomando um rumo diferente eu fiquei.
 O amor ainda vivo depois de tanto tempo , observei uma única foto sua , antiga , onde havia revelado assim que você foi embora.
A casa estava quieto , sentada no sofá da varanda, passei a observar o retrato , foi quando pude sentir alguém  me observar , assim que olhei vi meu sobrinho com um olhar curioso .
Chamei ele para se sentar ao meu lado e assim que ele viu a foto ele perguntou:
-Quem é esse tia?

-Um grande amor que foi embora
-Mas por que tens uma foto dele, se ele foi embora?
“pegou a inteligência do pai ”_pensei- Pra guardar de recordação  
-Mas desde sempre a tia é sozinha O pai reclamava que você não poderia viver aqui nesta casa sem alguém para ampara-la 
-Sim, verdade , sempre fui ...mas isso não foi motivos para eu ser  feliz_ disse abraçando meu sobrinho e depositando beijinhos nas bochechas dele-Você foi o presente da tia , e eu estou protegida por que estas ao meu lado_ Meu sobrinho deu um sorriso valente 
-Eu quero a tia feliz , eu quero poder brincar com meu primo , eu quero um tio ... por que vocês complicam tanto?

-Não é que complicamos_ respondi rindo- é que a vida determina que as coisas são ...se eu estou assim é por que era pra mim estar...te disse , a tia é feliz ....tenho vocês em minha vida e isso é o que importa 

-Eu acho triste vê-la assim , sem ninguém em sua vida .

Não falei nada , ele estava com a razão , mas não conseguia  me ver com alguém a não ser com você...você foi tudo pra mim e sem você aqui eu não seria nada .
E foi assim que ficamos abraçados ,quietinhos aproveitando o momento...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Desabafo de uma solteira

Noite Tempestuosa