Lembranças

By:Jully Anne M.Fenner

Estava sentada numa espreguiçadeira em minha varanda enquanto observava o mar se agitando no horizonte. O vento soprava forte , as ondas batiam nas pedras , o cheiro da maresia se fazia presente .Olhei para o céu estrelado enquanto a lua estava redonda e brilhosa num convite especial para sua exploração, foi quando minha mente lembrou do mês passado.
Flash Back
Aquele mês foi um mês que nunca mais foi o mesmo , o mês que se hospeda-se neste hotel onde moro , éramos vizinhos de quarto , estávamos sempre nos encontrando pelo corredor saindo do quarto no período do dia e a noite na entrada para os quartos.
Foi numa noite de quarta-feira , não havia movimento algum , pois era mais de meia noite , e eu estava sem sono e com muito calor , foi quando a mente planejou ir para a piscina.
Coloquei um Hobi em cima de minha camisola de seda preta , sai do quarto e fui a área da piscina.
Chegando lá , olhei para os lados para me certificar que ninguém estaria olhando, assim que vi que estava sozinha , retirei o Hobi ,a camisola , ficando apenas de calsinha.
Senti um friozinho na barriga ao imaginar a temperatura da água , mas criei coragem e mergulhei , passei a nadas lentamente sentindo o friozinho da água apagar o calor que meu corpo irradiava.
Foi quando me senti observada, parei de nadar e passei a olhar para os lados , mas não encontrava ninguém , pensei então talvez que deveria ser criação de minha mente e passei a nadar de volta.
Foi quando eu vejo alguém saindo de uma parte escura da área e veio para a pouca luz que tinha ...Era você...você me olhava de uma forma tão...sedenta , que era impossível não notar o volume em suas calças.
Eu estava completamente travada , o espanto , o susto talvez...vergonha? não sabia o que sentia , mas aquele olhar estava me hipnotizando ...Foi quando você se moveu lentamente entrando na piscina , nadando lentamente , seus olhos não deixavam os meus .Eu num momento de proteção fui me distanciando até sentir algo duro em minhas costas enquanto você vinha agora mais rápido , até seus dois braços me barrarem ali naquela extremidade da piscina.
Tentei falar , mas acabei sendo calada pelos seus lábios que me tomaram com urgência , sentia uma de suas mãos massageando um dos meus seios , fazendo-me sentir pequenas correntes elétricas pelo corpo , o calor que antes era provocado pelo clima , agora era provocado por você.
Seus lábios desceram para o pescoço , colo e foi até o peito foi quando acabei gemendo e você sugava com muito desejo, subindo novamente tomando meus lábios de volta .
Senti uma mão em minha cintura levantando-me enquanto a outra  brincava com minha intimidade.
Sentia algo que nunca havia sentido...prazer...minhas unhas cravaram em suas costas e você aumentou o estimulo. Espasmos sentia em meu corpo , um fogo que nem a água fria da piscina dava jeito.
Foi quando pensei em algo no meio daquele turbilhão , desci uma das minhas mãos até sua ereção , pulsante reparei que aquele tecido era apenas uma cueca box , coloquei a mão dentro e passei a fazer um movimento de vai e vem.
Ouvi um pequeno gemido “ Delicia” degustei com prazer aquele rouco gemido que me deixou ainda mais excitada.
Você sem pressa rasgou minha calcinha , deixando-me completamente despida , uma das mãos sempre firmes me segurando enquanto a outra tirava a cueca , foi quando senti sua ereção entrando em minha intimidade.
Ouvindo seus suspiros de prazer na tentativa de adentrar num local tão apertado lhe deixava mais quente, mais desesperado .
O Movimento começou lento e forte , nossos olhos conectados , nossas bocas diziam palavras desconcertantes , cada vez que aumentava o ritmo mais eu queria , mais eu pedia , mais um clamava. 
Fizemos amor durante toda noite ...na piscina , no quarto , no banheiro , na sala .Sim ,aproveitamos o máximo daquele momento , por que nunca se sabia se aquele momento se repetiria.
Foi quando na manhã seguinte saindo de meu quarto , não o vi , fui a recepção ver se havia chegado algo para mim antes de ir ao trabalho quando a recepcionista me falou que você havia deixado um bilhete enquanto me entregava.
“Obrigada pela noite maravilhosa” 
Sorri para aquele papel antes de ir ao trabalho.
Fim de Flash Back 
Me encolhi um pouco ao senti a temperatura descer e resolvi entrar no quarto , olhei para a pessoa deitada em minha cama , dormindo , nu ... dei uma risada ao pensar no quão as coisas haviam mudado muito desde que conhecia você.
Tirei o Hobi novamente , me deitei sobre seu peito ,enquanto seus braços me envolverem e me deixei levar pelo sono que estava a chegar. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Desabafo de uma solteira

Noite Tempestuosa

O Retrato