Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015

Maldita praça

By:Jully Anne M.Fenner
Cá estou eu , sentado no maldito banco , desta maldita praça...Não sei bem o por que ainda insisto em vim pra cá.”Assuma seu velho depravado que estas aqui por causa dela...somente dela ”-Acusou sua mente As vezes me pergunto o por que a vida é tão injusta , sofri por um amor impossível , um amor que ainda há marcas em meu passado que deixou uma grande sequela. Qual seria? Não é tão difícil de entender , minha expressão mostra claramente o quão amargo sou , o quão frio e calculista , minhas ironias e sarcasmos ultrapassam qualquer limite de convivência , mas por que?  Nasci num ambiente familiar conturbado onde minha mãe sofria grandes agressões causado pelo cretino de meu pai quando voltava embriagado para casa...resumindo , todo dia nós sofríamos  agressões , mamãe agressões física enquanto eu com apenas uma criança sofria agressões verbais ,  Ele não me feriu ao ponto de deixar marcas físicas...não de jeito nenhum , ele me humilhava , me insultava , dizia palavra…