Mudada

 By:Jully Anne M.Fenner


 Estava eu sentada  animadamente conversando com minha melhor amiga na praça de alimentação do shopping local , até que a face dela muda drasticamente
-O que houve?-Perguntei
-Olhe pra traz _pediu ela e assim eu fiz
  Você estava atrás de mim com um olhar diferente , sério , frustrado ,sofrido ,bravo ? não consegui descrever o que esse olhar me transmitia , mas seu rosto mostrava que estavas frustrado.
-Precisamos conversar?_Fala-se
  Arqueei as sobrancelhas descrente no que estava ouvindo
-O que desejas conversar?_Perguntei
-Sobre nós _Respondeu
 Cai na risada como se aquilo fosse a piada mais engraçada do mundo enquanto você se espantou de minha atitude
-Por que estas rindo?_Perguntou bravo
-Isso foi muito engraçado_ respondi secando algumas lágrimas que escaparam de meus olhos de tanto rir- afinal de contas , nunca houve NÓS , nunca houve relacionamento...então o que você quer realmente?_Perguntei agora séria
-Sobre nós ...sério , vamos conversar ...vamos acertar algumas coisas?_Pedi-se
 Olhei para minha amiga...ela sempre me dava força nos momentos em que mais precisava , foi graças a ela que ela me ajudou muito nos momentos de frustração de não tê-lo ao meu lado , foi ela que me amparou , me segurou e me ergueu .
-Já volto , fique ai _ falei pra ela , ela apenas confirmou transmitindo segurança em seu olhar e em seu sorriso.
 Nos distanciamos dela sentando em outra mesa , nos sentamos de frente um para o outro , enquanto eu com um olhar severo de braços cruzados e você me olhava com ar amedrontado ...
-O que você quer falar sobre “Nós”_ falei usando o entre aspas
-Você esta agindo diferente ...não era assim que eu te conheci_ retruca-se
-Jura? Por que será? _ Perguntei ironicamente
-Tu não era assim ...você esta mudada _comenta-se frustrado
-Precisei mudar , pra mim voltar a viver _ respondi firmemente
-Pra que ? não tem motivos pra isso_ fala-se bravo
-Não mesmo? NÃO MESMO ?? _Alterei a vos –Você NÃO se importou nenhum pouco com que eu sentia por ti , você apenas iludiu , você alimentou esse amor que só crescia , que só ME PREJUDICAVA , você é tão culpado desse amor frustrado quanto eu ...VOCÊ  estava me matando aos poucos , você sumia e quando “sentia falta” reaparecia...Qual é a tua cara? Tu achas que sou tão trouxa em continuar nesse jogo de ilusão ? tu achas mesmo que eu iria ficar na esperanças de você um dia me dar essa chance?
-PENSEI_ Responde-se também se alterando- Eu pensei por que TU mesmo jurou sempre estar ao meu lado
-E EU jurei pra mim mesma nunca mais cair nas suas lábias , eu estava MORRENDO enquanto VOCÊ aproveitava a SUA VIDA... enquanto você curtia sua vida de solteiro pegador eu sofria ...EU SOFRIA   , tu não se toca não é ? tu achas que estaria disposta a estar contigo quando NENHUMA vagabunda mais querer ficar com você? TU ESTAS ENGANADO . Se tu achas que eu vou te dar uma chance , tu estas muito enganado , você se  iludido pelo que TU criou nessa cabeça dura ... arque com as conseqüências , por que não foi eu que escolhi isso FOI VOCÊ.

 Me levantei me sentindo muito mais leve mesmo por eu estar chorando em silêncio saindo da praça com minha amiga , ela me dizendo coisas positivas e me dando parabéns pela minha atitude...
 Jurei pra mim mesma nunca mais cair em lábias de nenhum cara de novo...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Desabafo de uma solteira

O Retrato

Noite Tempestuosa