Postagens

Amor

By:Jully Anne M.Fenner

O Amor é um sentimento tão puro , tão simples , tão singelo. Um sentimento que nasce na troca de olhares , nos sorrisos dados , nas conversas , nas compreensões , nas diferenças de pensamentos , nos defeitos e qualidades. O Amor parece uma montanha russa , as vezes estamos nas nuvens , felizes , mas ao descer , estamos sem chão , numa grande conflito entre a razão e a emoção. O Amor não precisa de data , nem hora , nem nada , ele simplesmente entra e se instala , deixando a pessoa num estado torpe de felicidade e frustração. Talvez o amor pode não ser correspondido , mas ele ensina , mostra suas reais intenções. O Amor é zeloso, cuidadoso, preocupante, alerta, o amor é pouco ciumento, bastante compreende dor, muito companheiro, libertador. O Amor não aprisiona, ele liberta uma alma presa na indecisão e incertezas, que poucos conseguem ter essa liberdade. O Amor não destrói corações, não iludi, não machuca, não gera rivalidade, não gera raiva e muito menos ódio. …

Uma declaração não revelada.

By:Jully Anne M.Fenner

Cá estou andando de um lado para o outro tentando entender por que razão eu esteja sentindo tanto sentimento.
Foram anos só observando , mas poucos dias se comunicando e não entendo como você possa ter tornado algo tão impactante em minha vida.
Deus escreve certo por linhas retas , talvez ele já esteja preparando nosso caminho sem nem ao menos saber quando vai acontecer...mas eu creio que já iremos ter uma resposta para as nossas duvidas.
Nunca passei por essa situação de não conseguir tirar alguém da mente ,como estou agora.
Nunca fiquei sorrindo por lembrar de seu sorriso ou de seu olhar.
Nunca ri tanto por ter uma conversa tão agradável , como a nossa.
Nunca me senti tão adolescente só de estar ao seu lado .
Nunca fiquei tão necessitada de estar ao seu lado , ao ponto de esperar pra poder vê-lo novamente .
Nunca senti meu coração bater tão apressadamente por alguém , me deixando de fato nervosa.
MEU DEUS o que esta acontecendo comigo? Eu estou amando novamen…

Querido amor

By:Jully Anne M.Fenner
Estava andando num lugar desconhecido e mágico, um enorme campo verdejante , com belas arvores , um enorme rio cortando uma margem a outra.
Andei até o rio , olhei para a água onde pequenas ondulações eram notáveis , meu reflexo estava nítido , meus cabelos estavam presos leve rabo de cavalo, alguns fios teimavam a sair do lugar , meu rosto estava limpo , sem nenhuma maquiagem ,meu traje era um vestido longo e branco , meus pés descalços sentindo o frescor da grama.
Ouvia-se sons de água caindo de longe e de aves .Não sabia ao certo que lugar era mas era lindo demais para ser verdade.
-Olá !_Ouvi uma voz estranhamente doce
Me levantei olhei para um ser diferente , era um anjo para ser mais clara.
-Oi?!_respondi incerta no que estava fazendo , devo ter deixado transparecer meu semblante desconcertante , pois você acabou rindo.
O ser era maior , muito maior que poderia imaginar , media quase dois metros de altura ,suas vestes branca e asas eram de puro brilho , s…

A Praia Deserta - continuação

By:Jully Anne M.Fenner
Suas mãos tão possessivas em minhas coxas , apertando-as , a cariciando as pernas , seus olhos estudando cada parte de meu corpo como fosse memorizar cada detalhe. Seus lábios sugando meus seios com tanto desejo , descendo lentamente distribuindo beijos molhados em meu corpo até sentir sua língua em meu clitóris, brincando com ela enquanto me contorço de prazer , gemendo coisas desconexas. Um orgasmo de alguns minutos me atingiu , corpo arcado e me deito , com a respiração ofegante , meus olhos captam os seu e o seu levantar de sobrancelha foi a coisa mais sexy que poderia ter feito.
faço você se deitar , beijo seus lábios ardentemente , mesmo com pouco folego . Desço lentamente , distribuindo os beijos em seu peito. abdome , quadril ,  pernas , pés. Pude ver seu anseio ...sim estavas esperando, desejando tão ardentemente . Voltei beijando até chegar o ponto onde vi tamanho prazer , ereto , pulsante . Coloquei a boca no pênis , movimento lento de vai e vem , vo…

Observando a

By:Jully Anne. M. Fenner

Eu estive observando a por um bom tempo, analisando o tipo de pessoa que ela seria.

 Ela possui um olhar meigo, um sorriso encantador e uma voz angelical.

 Ela é de um corpo perfeito, uma estatura pequena camuflada de fragilidade,  mas ninguém pode imaginar o quão forte ela é.
Ela é meiga, dócil, carinhosa, amorosa e sempre  tenta se mostrar uma pessoa equilibrada.

Soube que foi bem machucado,  bem enganada... Arrisco a perguntar em como ela se deixou ser enganada? Isso lhe causou feridas que custam a cicatrizar.

 Não gosta de ser mandada, controlada e principalmente pressionada.Não, ela não gosta...ela detesta.

Ama ajudar as pessoas em sua volta,  dando os melhores conselhos para os outros,  mas ao mesmo tempo que ajuda os outros ela não consegue se ajudar.

 Ela ama simplicidade,  ama flores, estar em volta de pessoas que ama,  gosta de expressar seu carinho, amor e respeito.

Ela se encanta encanta em conversar com as pessoas, ama estar envolvida nos assuntos…

Noite Tempestuosa

By:Jully Anne M,Fenner
“Isso , continue , não pare “ Sinta o cheiro de prazer que deixo escapar , a vagina pulsando de desejo. Até quando irei suportar essa tortura delirante?  Seus dedos tão ágeis brincando com meu Clitóris , seus lábios sugando tão firmemente meus seios  , meus gemidos são seus estímulos para que a tortura se prolongue ainda mais. Seus lábios desce lentamente lambendo meu peito , barriga e agora indo direto para a vagina...sua língua , seus chupões me fazendo perder o ar. “Oh Por favor !! tenha piedade dessa mulher que tem uma sede de amor , prazer” minhas mãos segurando sua cabeça , onde estava quase tendo um orgasmo . “Não pare , não pare por favor “ Seus lábios roubaram os meus num beijo tão ardente quanto o beijo de antes , seu corpo se posicionando e assim senti seu pênis me invadindo. Uma dor prazerosa se instalou no meu ser , meus gemidos escaparam entre os beijos e a cada estocada...era uma vibração maravilhosa. O Ritmo aumentando , gemidos agora se instala…

A Praia deserta

By:Jully Anne M.Fenner
Estava fora de meus planos a situação que estava pra acontecer. Era entardecer , planejei com você irmos numa praia deserta, para observar o por do sol e o nascer da lua e assim fizemos.
Foi um dos melhores espetáculos que eu presenciei em anos. estávamos sentados nas areia , as estrelas banhava a escuridão do céu enquanto a lua cheia fazia a noite ficar mais romântica.
Senti o toque de sua mão na minha, olhei de relance pras elas , e depois pra você e não havia notado o quão perigosamente perto você estava e a distancia foi quebrada quando nossos lábios se encontraram , enquanto você me deitava delicadamente na areia.
Seus lábios exploraram minha boca , da boca passou pela nuca , enquanto as ágeis mãos desfaziam os botões da blusa até deixar a mostra a o sutiã,
Achando o fecho do sutiã deixou os meus mamilos duros , não sei se era de frio ou o prazer que sentia naquele momento. 
Seus lábios desceram até o mamilo direito , beijando, lambendo e sugando de uma fo…